Por que o pote de vidro é a embalagem mais segura para o palmito

O palmito é rico em vitaminas do complexo B, sais minerais, vitamina C e ferro. Por ser comercializado em conserva e ter prazo de validade, a escolha do produto nas gôndolas dos supermercados precisa ser cuidadosa, uma vez que, se mal armazenado, o alimento pode oferecer riscos à saúde, tais como o desenvolvimento de doenças bacterianas como o Botulismo.

 

 

http://br.verallia.com/sites/verallia.brasil/files/images/picture1.png

A conservação do palmito no vidro também é fundamental para o tratamento térmico do alimento, já que ele passa por um processo de cozimento no momento do envase para eliminar contaminações físicas, químicas e microbiológicas, garantindo um produto livre de toxinas.

Segundo a Abividro (Associação Técnica Brasileira das Indústrias Automáticas de Vidro), os produtos armazenados neste tipo de embalagem possuem um prazo de validade maior e uma quantia de conservantes menor, se comparado a outros tipos de embalagens.

A Tunga Industria de Conservas, responsável pela Marca Jurerê, parceira da Verallia, usa o vidro em toda a sua linha de produtos, incluindo o palmito. “A escolha do vidro para as nossas embalagens faz com que o processo de produção seja mais eficiente e maior. A qualidade do produto é visível ao consumidor, que pode confiar que está consumindo um alimento seguro e saudável”, comenta Bárbara Cecília Rech Melchioretto, gerente comercial da empresa.