Dia Mundial do Meio Ambiente: Verallia esclarece mitos sobre o vidro

Você sabia que o vidro é 100% reciclável e pode ser reciclado infinitas vezes? Uma garrafa feita de vidro reciclado tem exatamente a mesma qualidade de outra feita com matérias-primas originais. A Verallia utilizou 53% de caco reciclado na produção em 2019.

“O uso de vidro reciclado (na forma de cacos) em nosso processo traz grandes benefícios ambientais. Para cada 10% dos cacos de vidro que entram em nosso processo, usamos aproximadamente 3% a menos de energia com redução proporcional de emissão de CO2”, explica Letícia Zydowicz, gerente de EHS da Verallia. Utilizar cacos nos fornos de produção de vidro reduz o consumo de recursos naturais, uma vez que substituem as matérias-primas (areia, barrilha e calcário).

As embalagens de vidro também são benéficas ao consumidor, pois o vidro não interfere no sabor e na qualidade dos alimentos e bebidas. Além disso, os alimentos e bebidas acondicionados no vidro têm menos conservantes e estabilizantes e também podem ser aquecidos e refrigerados sem riscos de contaminação.

“Escolher o vidro para ser a embalagem preferencial de seus produtos não é apenas uma escolha econômica, mas é, principalmente, um caminho inteligente e consciente. Temos trabalhado nossos desenvolvimentos sempre focados em sustentabilidade. A maioria de nossos produtos é desenvolvida pensando no conceito ECOVA, com produtos até 30% mais leve do que as tradicionais. Além disso, são produtos eco-projetados, ou seja, atendem aos requisitos técnicos, otimizando o uso de recursos naturais”, destaca Letícia. A Verallia aproveita o Dia Mundial do Meio Ambiente (5 de junho) para esclarecer os mitos sobre o vidro.

O vidro ocupa muito volume nos lixões e aterros sanitários.

Mito. O consumidor reutiliza a embalagem de vidro para guardar condimentos, como decoração e muitas outras utilidades. Além disso, a embalagem de vidro é retornável para o fabricante do produto envasado e é reciclável, apresentando, portanto, várias opções de reúso e reciclagem. Talvez por isso, o volume de vidro em geral no lixo urbano não seja tão elevado. No Brasil, o vidro corresponde a cerca de 3% dos resíduos urbanos. Em São Paulo, o peso do vidro no lixo corresponde a apenas 1,5% do total.

O vidro pode ser reciclado apenas uma vez.

Mito. O vidro pode ser reciclado infinitamente, seja fundindo-o com uma parte de matéria-prima virgem, seja fundindo somente cacos de vidro. O material apresenta excelente desempenho no processo de reciclagem, sem perda de volume. Com um quilo de cacos de vidro pode-se fazer um quilo de vidro novo.

Reciclar vidro é muito caro.

Mito. Reciclar vidro é mais econômico do que produzir vidro a partir de matérias-primas virgens, considerando que reciclar usa menos energia no processo. Se fosse para produzir uma garrafa utilizando a extração de matérias-primas virgens (minérios), somado ao custo de energia no processo de obtenção, haveria um gasto maior do que com o reaproveitando de cacos de vidro. No processo de reciclagem se usa menos energia e a matéria original é reaproveitada.